De Kas: cozinha orgânica descolada em Amsterdam

de-kas-jpg

Já imaginou almoçar em uma estufa que data de 1926? Vivi essa experiência no meu último mês morando em Amsterdam e vou adorar dividir todos os detalhes desse dia delícia em um dos restaurantes mais saudáveis e maravilhosos que já fui. Vem comigo!

O De Kas é uma das experiências gastronômicas mais revolucionárias na região. Sim, fica meio afastado do centro da cidade e leva uns 20 minutos para chegarmos ao Frankendael Park. Porém, ao adentrarmos esse lugar lindo e ao provarmos os deliciosos e frescos pratos orgânicos servidos… Feito! Percebemos que cada minuto gasto para chegar foi válido.

Bem vindos ao De Kas
Bem vindos ao De Kas

HISTÓRIA

Em 2001, o estrelado chef Gert Jan Hageman decidiu dar um novo rumo a sua carreira. Seu sonho era trabalhar em uma cozinha cercada por solo fértil, onde ervas e vegetais fossem cultivados, onde a luz do sol adentrasse por todos os lados e, mais importante, onde os chefs tivessem liberdade para criar, utilizando-se dos melhores e mais frescos ingredientes de cada estação.

Interior de encher os olhos no De Kas
Interior de encher os olhos no De Kas

Foi então que Gert Jan Hageman “resgatou” uma estufa municipal abandonada que estava prestes a ser demolida para transformá-la em um restaurante de vidro único, em meio a jardins e a natureza.

Uma estufa salva da demolição
Uma estufa salva da demolição

Atualmente o De Kas é uma dos restaurantes mais aclamados e festejados da Holanda e recebe mais de 50.000 pessoas por ano em suas dependências.

Restaurante único em Amsterdam
Restaurante único em Amsterdam

ESTUFA

O restaurante possui seus próprios viveiros e jardins logo ao lado da propriedade, onde vegetais, ervas e flores decorativas e comestíveis são cultivadas. Mais além, o De Kas possui  ainda uma fazenda nos arredores de Amsterdam, na região de Beemster, onde outros tipos de vegetais crescem para incrementar a cozinha.

Viveiro no De Kas
Viveiro no De Kas

O fundador e proprietário é o responsável pelas estufas e conta com a colaboração dos chefs e demais funcionários. É bem normal avistar os chefs colhendo frutas e hortaliças no jardim bem em frente as mesas onde as pessoas almoçam ou jantam.

Diversidade de vegetais no jardim
Diversidade de vegetais no jardim

De maio a outubro é possível fazer um tour pelas estufas e jardins, assim como participar de um workshop na propriedade em Beemster, organizado pela “brigada verde”.

Estufa repleta de ervas no De Kas
Estufa repleta de ervas no De Kas

Ingredientes que não são produzidos nas dependências do restaurante (como carnes e peixes, por exemplo), são adquiridos de fornecedores que trabalham de maneira sustentável, todos mencionados no website do De Kas.

Salão principal no De Kas
Salão principal no De Kas

COZINHA

Trata-se de uma experiência gastronômica orgânica das mais frescas e saudáveis. O conceito é levar à mesa produtos colhidos no dia em um menu fixo com 3 ou 4 pratos no almoço e 5 pratos no jantar. Não rola à la carte. Vegetarianos receberão atenção especial do chef, que prepara menus especiais.

Nosso primeiro prato: melhor abobrinha do cosmo
Nosso primeiro prato: melhor abobrinha do cosmo

O menu é criado diariamente, levando-se em conta os produtos mais frescos e maduros do jardim. Vegetais frescos desempenham um papel importantíssimo nas criações e são normalmente servidos acompanhados de carnes e peixes. A apresentação é simples, bonita, apetitosa.

Couve-flor ao molho de manteiga e vinho divina
Couve-flor ao molho de manteiga e vinho divina

Optamos pelo menu de 4 pratos do almoço e foi tudo divino, fresco, saborosíssimo. As porções são bem servidas.

O peixe do dia desmanchava na boca
Peixe do dia que desmanchava na boca

O amuse bouche foi uma combinação de tomates coloridos do jardim com um molhinho especial, seguido da melhor abobrinha da vida, depois couve-flor ao molho de manteiga e vinho, peixe do dia estilo De Kas e finalmente a sobremesa de ameixas, cream cheese, sorvete de cardamomo e flores. SOCORRO! Estava tudo tão mara que minha mãe já queria saber se haveria a possibilidade de o cardápio ser o mesmo no dia seguinte pois ela queria voltar. Hahahahaha! A apresentação vocês conferem nas fotos – achei linda, sem muita invenção. E o aroma… fresco, perfeito!

Melhor sobremesa
Melhor sobremesa

Não pedimos vinho mas dei uma olhada na carta e a seleção é ótima. São mais de 40 rótulos e o sommelier está sempre ali para harmonizar.

Almoço com vista
Almoço com vista

TIME

Tivemos o prazer de encontrar o criador do De Kas durante nossa visita enquanto ele trabalhava no jardim – Hageman foi super simpático, muito educado e nos contou um pouco sobre sua história, seu projeto. Durante essa breve conversa pude perceber claramente que o De Kas é a paixão da vida dele e que sua dedicação absoluta é a maior responsável pelo resultado incrível que chega à mesa de seus convidados.

Ah! Ele nos contou ainda que tem recebido muitos brasileiros em seu restaurante nos últimos anos. 🙂

Chef
Chef Gert Jan Hageman

Antes de criar o De Kas, Gert Jan Hageman era o chef responsável pelo incrível Vermeer, em Amsterdam, onde recebeu uma estrela Michelin. O chef deixou tudo para trás para seguir seu sonho no De Kas.

O De Kas foi um projeto sonho para seu criador
O De Kas foi um projeto sonho para seu criador

Aagje de Vries é o maître/sommelier e Jos Timmer & Wim de Beer são os chefs-de-cuisine. Todos possuem currículo invejável com passagem por grandes restaurantes na Holanda e Inglaterra.

EXPERIÊNCIA

Éramos três pessoas para esse almoço: eu, minha mãe e meu marido. Nós já tínhamos visto fotos e ouvido diversos comentários sobre o restaurante mas a verdade é que nada nos preparou para a realidade. Que lugar lindo! Que paz!

A entrada no De Kas
A entrada no De Kas

Fomos de Uber, cruzamos uma pequena ponte e andamos por entre as árvores para finalmente encontrarmos o belo De Kas. Pensei: “Que bafo esse lugar! Minha cara!” e até agora não consigo entender como alguém algum dia cogitou demolir essa estrutura tão maravilhosa e autêntica.

Interior sonho
Interior sonho

Para almoçar, se o tempo estiver bom, os convidados são sentados no terraço com vista para o jardim de ervas e vegetais – foi para essa área que o jovem garçom que nos atendeu nos levou nessa ensolarada quinta-feira. À noite o jantar rola dentro da linda estufa de vidro, que é de tirar o fôlego.

Nos sentamos embaixo dos guarda-sois pretos
Nos sentamos embaixo dos guarda-sóis pretos

Embarcamos na programação completa: menu com 4 pratos, encontro com o fundador do lugar e um tour pelo local com o chef. Foi demais!!! O chef nos levou para o “jardim secreto” onde comemos tomates super raros que só crescem nessa região diretamente do pé e também deliciosas flores (Sim! Achei divinas puras! Azedinhas). Além disso, durante nosso almoço pudemos observar os chefs e garçons colherem os ingredientes que nos seriam servidos. No final ainda demos uma passadinha na moderna cozinha para observar o time trabalhando.

A estufa de ervas e flores
A estufa de ervas e flores

Dentro da cozinha tem a mesa do chef, de onde é possível acompanhar todo o movimento e vocês sabem que eu adoro isso, né?! Pois bem, nesse restaurante não seria minha primeira opção porque achei as outras áreas tão incríveis e especiais que eu deixaria a mesa do chef para a segunda ou terceira visita.

De Kas à noite na vibe mais romântica
De Kas à noite na vibe mais romântica

O ambiente é elegante e ao mesmo tempo relaxado/jovem – o foco é totalmente na comida.

Como já mencionei antes, TUDO que pedimos estava perfeito e delicioso e o staff foi sempre muito atencioso e nos auxiliou com algumas restrições alimentares.

Experiência incrível no De Kas
Experiência incrível no De Kas

Conclusão: Vai na fé, gente! Satisfação garantida. Hahaha! Mas sério, meu único arrependimento foi ter adiado tanto para conhecer esse restaurante. Deveria ter ido muito antes.

Vale super fazer um pequeno "tour" pelo De Kas
Vale super fazer um pequeno “tour” pelo De Kas

AMBIENTE

Único. Estiloso. Tanto a parte de dentro, toda de vidro e com tubulação aparente (mais romântica) quanto a parte de fora, no terraço, com vista para o jardim e um cheirinho maravilhoso são fantásticas. Tudo com muita luz natural, ambientes espaçosos, flores… Vale muito à pena dar uma voltinha para conhecer os ambientes e as estufas do local.

Uma boa idéia para jantar é chegar no pôr do sol, tomar um drink no jardim e depois se sentar na parte de dentro. Fica a dica. 🙂

Interior matador
Interior matador

Enquanto almoçávamos vimos um casal celebrando seu casamento com a família e amigos numa área separada e devo admitir que invejei um tantinho. Haha! Que demais essa locação! Depois o chef nos contou que o De Kas é bastante popular para casamentos em Amsterdam e eu claramente entendo o motivo.

Casamento no De Kas
Casamento no De Kas

Tá afim de conhecer? Reservem uma mesa aqui!

Admito que olhando as fotos e relembrando esse dia já estou com vontade de clicar no link e reservar para amanhã. Ahhh se eu estivesse em Amsterdam…

Um lugar para sempre retornar
Um lugar para sempre retornar

Espero que tenham curtido essa resenha e que estejam viajando comigo pelo @marineira no Instagram.

Santé!

Você também pode gostar de

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *